AQUI HÁ

segunda-feira, 19 de abril de 2010

LISBOA 4 EVER

Lisboa tem o Camões
Pessoa sentado a fumar
Lagartos e Lampiões
Na 2ª Circular
Tem a Ginjinha ao balcão
A Sé para nos guardar
E só para a confusão
Peixinhos da horta e do mar

Lisboa que é minha terra
Tem um banco de jardim
E o Tejo correu de desejo
Contigo juntinho de mim

Tem noites de céu estrelado
Domingos de sol em Belém
Santo António é feriado
Eu caso contigo, meu bem
Em Abril, foi bem achado,
Fizeram feriado também
Passear de braço dado
Vem cá, meu amor,
Vem, vem, vem, vem....

Tem gente de todo o lado
Gente que traz, dá e leva
Um negrinho que gosta de fado
Pintou na parede «Saudade 4 ever»

Lisboa que é minha terra
Tem um banco de jardim
E o Tejo correu de desejo
Contigo juntinho de mim

Música: João Gil

3 comentários:

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Batom e poesias disse...

Que lindo, João!
Um dia quem sabe eu conheça Lisboa.
Bjs, poeta.

Rossana

Anónimo disse...

Ena, há tanto tempo, que não vinha espreitar!!

Lisboa, é tudo isto que dizes. Lisboa é bela!!!

ema