AQUI HÁ

sexta-feira, 15 de maio de 2009

PRECES III

III

eu quero um mapa
sem nada
e uma estrela
dentro de água

6 comentários:

Lena disse...

A estrela polar virada do avesso, portanto.

Beijo.

Batom e poesias disse...

Começo a compreender o que queres...

Já somos dois.

bjs
Rossana

San disse...

uma estrela afogada num mapa por fazer...compro!

Paula Raposo disse...

A estrela me guiará...beijos.

Tchi disse...

Assim... poderás escolher todas as rotas, seguindo a bússola do teu sentir.

glória disse...

uma cartografia de linhas invisíveis de fuga, de traçados legíveis apenas por quem conduz um brilho no olhar. De uma estrela submersa, fora dos mapas oficiais...tua poesia me risca a alma. bjs poeta-monge.